top of page

Conferência - le corbusier

Le Corbusier.

Una visión patrimonial sobre Argel


Com:

Juan Andrés Rodríguez Lora


15 de novembro | 09h30

Iscte - Auditório B203


Org. Marta Sequeira


Resumo

A figura de Le Corbusier está frequentemente envolta em prejuízos baseados numa visão parcial em relação à dimensão e complexidade da sua trajectória. Por vezes partem de premissas que estão longe de uma correcta contextualização ou que não têm em conta as diferentes fases que atravessaram os seus projectos.


No campo do urbanismo, por exemplo, é comum encontrar em fontes historiográficas que Le Corbusier é um impulsor da tabula rasa, tendo como base essencialmente o Plano Voisin para Paris, de 1925 – o primeiro grande projecto urbanístico da sua autoria. No entanto, um olhar atento ao conjunto das suas propostas urbanísticas para cidades existentes revela uma maior multiplicidade de posições em relação à cidade herdada. O seu interesse pela arquitectura vernacular, para além da arquitectura monumental e a cidade histórica inalterada pelas transformações resultantes da revolução industrial, mostram-nos outras estratégias de Le Corbusier. Através da análise dos projectos que realizou durante mais de uma década na cidade de Argel (Argélia), a partir de 1931, revelando um especial interesse pela sua Casbah, desvendaremos outras visões patrimoniais que estão notavelmente distantes da atribuição historiográfica que tem proliferado por publicações várias.




Biografia

Juan-Andrés Rodríguez-Lora

Bolseiro de Pré-doutoramento do Ministério de Espanha (FPU) no Departamento de Planeamento Urbano e Regional da Escola de Arquitetura da Universidade de Sevilha (ETSAS/US) e Membro do Grupo de Investigação HUM700 – Património e Desenvolvimento Urbano Territorial na Andaluzia. Professor convidado em estudos de mestrado, tais como Mestre em Arquitetura, Mestre em Arquitetura e Património Histórico e Mestre em Urbanismo, Planeamento e Desenho Urbano na Escola de Arquitetura de Sevilha, onde ensina actualmente Urbanismo I na Licenciatura em Arquitetura.


Arquiteto (2016), Mestre em Arquitetura e Património Histórico (2018), Mestre em Urbanismo, Planeamento e Desenho Urbano (2020) pela Escola de Arquitectura da Universidade de Sevilha (ETSAS/US). Prémio Extraordinário de Fim de Estudos da Universidade de Sevilha (2016), II Prémio Nacional de Fim de Estudos do Ministério de Espanha (2016) ou Prémio à Melhor Publicação do IUACC (2020).

As suas investigações centram-se na protecção do património contemporâneo numa perspectiva urbana, cidades patrimoniais e o urbanismo de Le Corbusier.


Commenti


bottom of page