Bolsas de investigação - verão com ciência

O DINÂMIA'CET-Iscte abre concurso para 14 Bolsas de Investigação e de Iniciação à Investigação no âmbito do programa Apoio Especial "Verão com Ciência" financiado pela FCT e pela DGES


Ler Edital Bolsa de Investigação PDF | Anúncio EraCareers

Ler Edital Bolsas de Iniciação à Investigação PDF | Anúncio EraCareers



Apresentação da Summer School

Iniciação à avaliação contrafactual

de políticas e programas


A aferição dos impactos das intervenções públicas emergiu como preocupação destacada das instituições internacionais na última década. Em particular, a Comissão Europeia tem vindo a apelar aos Estados Membros para que produzam evidências robustas sobre a eficácia das políticas que implementam, em particular quando envolvem fundos comunitários. Em Portugal existem ainda poucas análises de políticas públicas que tirem partido de métodos de avaliação contrafactual, em parte devido à escassez das competências técnicas relacionadas.


Este programa “Verão com Ciência”, que tem início no dia 27 de Julho de 2020 e têm a duração de três meses, pretende capacitar e estimular o interesse de alunos do ensino superior por este tipo de análises, através do seu envolvimento em actividades de formação e de investigação aplicada.

Depois de uma semana de leituras iniciais orientadas, os participantes participarão numa Escola de Verão sobre os principais métodos estatísticos para avaliação contrafactual de impactos de políticas e programas. O curso decorre entre os dias 3 e 14 de Agosto de 2020, num total de 30 horas (3 horas/dia), abarcando componentes teóricas e práticas.


A componente teórica será desenvolvida através de sessões expositivas de cerca de 1h30/dia, cobrindo os tópicos fundamentais da análise estatística do impacto de políticas, bem como a introdução aos desenvolvimentos mais recentes baseados no recurso a técnicas de aprendizagem automática. A componente prática do curso fará uma ponte estreita com a literatura, utilizando artigos de referência para ilustrar os métodos apresentados, promovendo a discussão dos resultados e a replicação dos mesmos, utilizando o software estatístico relevante. Um pequeno trabalho de investigação individual constituirá a base para avaliação final.

Após a Escola de Verão, os participantes serão envolvidos num projecto de investigação aplicada, que assenta na aplicação de conteúdos da Escola de Verão à avaliação dos sistemas de incentivos às empresas do PT2020.


O projecto de investigação aplicada divide-se em quatro tarefas. Os bolseiros serão divididos por grupos de três ou quatro elementos, procurando assegurar a diversidade de formações de base e de níveis de ensino. Os grupos desenvolverão tarefas distintas mas relacionadas. Para o efeito, os grupos serão emparelhados segundo uma lógica de aprendizagem cruzada, onde cada par de grupos trabalhará diferentes sistemas de incentivos recorrendo à mesma família de métodos ou a mesma política recorrendo a famílias de métodos distintas. O projecto específico de cada bolseiro consiste na análise de uma dada dimensão de impacto da política, dentro da tarefa geral que cabe ao grupo a que pertence.


As tarefas a desempenhar por cada grupo nas várias fases do projecto são:


  1. Tratamento dos dados e análise exploratória. Dois grupos farão análise estatística descritiva e outros dois grupos explorarão os dados visualmente, cada par de grupos para tipos de incentivos diferentes. Os dois tipos de análise serão feitos em coordenação e complementaridade.

  2. Aplicação dos métodos aos dados da política. Cada grupo será responsável pela implementação de um método de avaliação, procurando especificações de modelos, realizando testes placebo, estatísticas de balance e análises de sensibilidade.

  3. Elaboração dos relatórios de projeto. Cada grupo produzirá o seu relatório, cabendo a cada bolseiro a elaboração de um capítulo específico.

  4. Apresentação e discussão dos resultados. Todos os bolseiros apresentarão e discutirão os resultados do seu trabalho em sessão pública.


O trabalho dos bolseiros será supervisionado por Ricardo Paes Mamede (Professor do Departamento de Economia Política do ISCTE), coadjuvado por dois investigadores-júnior com experiência na utilização dos métodos em causa.



Este programa dirige-se a alunos de licenciatura, mestrado e doutoramento que já possuam formação de base em estatística e em métodos de regressão (nomeadamente, alunos das áreas da Economia, Gestão, Finanças, Ciência Política, Políticas Públicas e áreas afins).

Os candidatos deverão enviar o seu CV (incluindo a referência à classificação média obtida nos cursos já concluídos e/ou das unidades curriculares do curso que estão a frequentar), bem como uma breve carta de motivação, até ao dia 24 de Julho, para dinamia@iscte-iul.pt

DINÂMIA'CET-Iscte

Ed. Iscte

Sala 2w4d Av.ª das Forças Armadas

1649-026 Lisboa

T.: (+351) 21 046 4031 | (+351) 210 464 197

E.: dinamia@iscte-iul.pt